Análise de Moeda

Decred

Escrito por
Lorenzo Frazzon
em
3
de
Jan
de
2019

Decred: governança autônoma e descentralizada

Decred é uma criptomoeda que possui um sistema de consenso híbrido, que une proof-of-work e proof-of-stake. Foi o primeiro projeto a realizar um atomic swap no universo das criptomoedas, ou seja, a realização de uma troca entre moedas feita sem nenhum intermediário.

Somente isso já mostra que o projeto possui uma equipe e tecnologia muito robustas, mas é só o começo: o projeto também é reconhecido pela sua excelente governança. Charlie Lee, criador do Litecoin, afirmou que o Decred é o melhor projeto neste quesito.

Confira a seguir os principais pontos do projeto e nossa recomendação exclusiva.

Equipe e História

A qualidade da equipe envolvida é um dos grandes pontos fortes do projeto. O time fundador trabalhava em um projeto chamado btcsuite que utilizava o protocolo do bitcoin desde 2013. Porém, houve um desentendimento com a equipe do Bitcoin Core, a partir disso começou a nascer a ideia do projeto Decred, tocado pela Comformal Systems.

Em 2014, Jake, CEO da Comformal Systems, entrou em contato com alguns membros anônimos do fórum Bitcointalk, que tinham ideais e propostas semelhantes às que ele defendia, entre estes usuários anônimos estava um dos criadores do Monero, que compartilhava o objetivo em comum de combater as fraquezas do Bitcoin: i) Governança, ii) Financiamento e iii) poder dos mineradores.

Com esse propósito, nasceu em fevereiro de 2016 o projeto Decred, sem financiamento de capital de risco ou token sale (ICO). O investimento inicial foi feito com capital próprio de US$ 1,5 milhões da própria Company 0 (antiga Comformal Systems). No lançamento da moeda (DCR), 8% do supply total de 21 milhões foram pré-minerados. Desse valor, metade foi usado em um airdrop e a outra metade foi utilizada para reembolsar e financiar os custos de desenvolvimento.

Protocolo

A recompensa por cada bloco minerado é dividida na proporção 60/30/10 entre os mineradores, stakers e a pool de desenvolvimento da Decred. Atualmente, o projeto possui mais de US$ 40 milhões de reservas financeiras em DCR. Estes recursos podem financiar projetos de longo prazo e consequentemente também se valorizar ainda mais, conforme a confiança e a adoção da rede aumentem. Chama a atenção ao comprometimento da comunidade, aproximadamente 50% de todos os tokens DCR em circulação encontrarem-se Stakeados (travados). Isso ocorre porque para participar do processo de validação, as moedas devem ficar bloqueadas e não podem ser negociadas.

Hoje o protocolo é robusto, uma qualidade que já é reconhecida pela comunidade de criptomoedas e as expectativas aumentam ainda mais com o roadmap e planos futuros em relação ao protocolo. Como existem muitos tópicos no roadmap, vamos destacar aqui dois que apresentam grande potencial para alavancar ainda mais o projeto.

  • Politeia: um sistema de propostas que vai permitir que usuários da rede enviem propostas, façam sugestões, possam escolher quais projetos serão financiados e ainda participem das decisões relativas ao projeto. Isso vai melhorar ainda mais o sistema de governança do protocolo.
  • Exchange Descentralizada (DEX): A exchange descentralizada da Decred é uma proposta recente e ainda será votada na Politeia, porém, é um projeto de enorme potencial, pois deseja utilizar a tecnologia de atomic swaps para fazer as trocas na DEX.

É interessante explicar um pouco melhor o sistema de governança do Decred. O sistema Proof-of-Stake (PoS - Prova de Participação) do projeto é uma nova camada na plataforma descentralizada e permite que a comunidade vote em mudanças que são propostas para a rede. Para participar da votação no protocolo, as pessoas detentoras de tokens utilizam eles como “fichas” para poder votar ao invés de utilizar poder computacional (mineração).

Para se tornar eleitor na rede da Decred, é necessário possuir ou comprar direito de voto em forma de tickets. Hoje o custo médio de um ticket está em torno de 90 Decred (DCR) para cada ticket (esse valor é variável e vem crescendo). Esse sistema de votação, em conjunto com o sistema de mineração (Proof-of-work - PoW), tem se mostrado muito eficiente e elogiado pela comunidade de criptos.

Dados da rede

Além de possui um protocolo de mineração misto (proof of work e proof of stake), a mineração PoW também é bastante descentralizada, nenhum minerador (pool) possui mais que 50% do poder de mineração. A gigante f2pool é a maior pool de mineração de Decred, bem como também é uma das maiores pools de mineração de Bitcoin.

DECRED: distribuição do hashrate da rede

Podemos ver na imagem a seguir, que o Hashrate da rede também vem crescendo de forma expressiva, demonstrando que a segurança e robustez da rede está em expansão, em conjunto, a dificuldade de mineração também vem aumentando no decorrer do tempo.

DECRED: distribuição do hashrate da rede

Demanda

Entusiastas e Investidores profissionais consideram o projeto um dos mais promissores, há inclusive um famoso artigo (leia aqui o artigo completo - em inglês) que cita o Decred como uma das três moedas que sobreviveriam a um possível crash das criptomoedas, são elas: Bitcoin, Monero e Decred. Não somos tão radicais, acreditamos que existem outros bons projetos que se manteriam, mas também não temos dúvidas, Decred seria uma das fortes nesse cenário.

Com uma comunidade engajada e crescendo de forma constante, além de novas parcerias para estimular a adoção, a demanda e o uso da moeda tendem a expandir. Para que isso ocorra de forma sólida, melhorias como o lançamento de uma mobile wallet com boa usabilidade poderiam ajudar.

Oferta

Em junho deste ano, diversas exchanges passaram a negociar Decred, oferta essa que tende a melhorar a precificação da moeda. Apesar de ter muitas opções de negociação, a liquidez ainda é baixa. O volume diário negociado gira em torno de US$ 3 a 4 milhões.

Uma questão que afeta negativamente a liquidez é o fato de muitos holders manterem suas moedas travadas no PoS, o que também não é algo ruim e reforça ainda mais a visão de longo prazo e ajuda a manter a segurança da rede.

Um ponto que algumas pessoas criticam, diz respeito ao volume pré-minerado, de 8% da oferta total. Este valor foi usado para reembolsar o investimento inicial e financiar o desenvolvimento do começo do projeto. Apesar disso afetar a oferta, no caso da Decred, a transparência e a governança justificam a quantidade pré-minerada.

Na imagem abaixo, é possível ver a distribuição da oferta de moeda pelo tipo de geração e a quantidade de moedas já mineradas.

DECRED: oferta de tokens

Recomendação

Decred ainda não é um projeto no radar dos grandes investidores do universo dos cripto ativos, menos ainda quando pensamos em investidores tradicionais, porém, hoje o projeto possui um roadmap claro, uma comunidade engajada, equipe competente e reconhecida, tecnologia sólida e em evolução. As ambições do projeto são grandes, principalmente porque inclui desenvolver soluções em campos onde outros projetos possuem maior know how, como transações anônimas (Monero e Z-Cash), exchange descentralizada (0x e IDEX) e Lightning Networking (Bitcoin). A convergência dessas tecnologias em uma plataforma única é uma grande dúvida.

Ainda assim, a DECRED possui um ponto muito mais desenvolvido que os outros projetos: a governança. Como a equipe do fundo Placeholder já falou, “a feature matadora da Decred é a boa governança, e com uma boa governança você consegue obter a feature que quiser”, também é um projeto capitalizado, o que confere independência à equipe e a possibilidade de contratar os profissionais que forem necessários.

Podemos comparar a Decred com a Dash, em função de “semelhanças” na tecnologia e até mesmo na forma de condução do projeto, mas mesmo nesse cenário, a Decred possui um melhor alinhamento de visão entre os diferentes stakeholders, uma governança melhor e uma comunidade mais engajada. Por outro lado, a Dash possui um valor de mercado 3 vezes maior que a Decred, o que reforça ainda mais o potencial de crescimento da Decred, se usar-mos como base o topo histórico da DASH, o potencial de valorização seria de 20 vezes o valor investido. É um projeto que merece ter uma exposição em qualquer portfólio de investimentos em cripto-ativos.

Receba gratuitamente nossos e-mails com dicas e orientações 😉

Seu cadastro na newsletter foi realizado com sucesso! Fique ligado nos nossos e-mails 📩
Oops! Alguma coisa deu errado na hora de enviar sua inscrição 😢.