Quer receber conteúdos de alto impacto?

Faça como dezenas de investidores, deixe seu email e receba nossos conteúdos diretamente no seu email.

Seu cadastro na newsletter foi realizado com sucesso! Fique ligado nos nossos e-mails 📩
Ops! Algo deu errado ao enviar o formulário.

Investtor News: Mercado Livre vai aceitar pagamentos com Bitcoin

Mercado

Escrito por

Silvia Medeiros

em

3

de

Oct

de

2019

Investtor News: Mercado Livre vai aceitar pagamentos com Bitcoin

Setembro começou com o preço do Bitcoin subindo, mas ao longo do mês se estabilizou e na última semana sofreu uma forte queda. O preço da criptomoeda tem se mantido na faixa dos U$8.000 dólares na última semana. No entanto, existem perspectivas animadoras em relação a uma possível retomada do movimento de alta para o Bitcoin. Com base em algumas projeções, e no seu comportamento gráfico, especialistas acreditam que a criptomoeda possa reverter drasticamente este movimento de queda e volte aos U$10 mil dólares no médio prazo.

Outra boa notícia é que o poder de mineração da rede disparou nas últimas semanas e isso é um forte indicativo de que os mineradores continuam confiantes na tendência de alta da principal criptomoeda do mercado

Atualmente, os mineradores estão gerando 1.800 novos Bitcoins por dia. É importante lembrar que a quantidade de Bitcoins gerados será reduzido pela metade em 2020, no evento conhecido como Halving. A cada 210 mil blocos minerados na rede, ou aproximadamente 4 anos, a recompensa paga aos mineradores é cortada pela metade.

O crescimento da mineração levou o poder de processamento da rede do Bitcoin a um pico de 100 quintilhões de operações de hash - um crescimento único para qualquer setor. A corrida implacável por mais mineração é um sinal de confiança no mercado.

E parece que não são somente os mineradores que confiam no futuro da criptomoeda. Uma pesquisa recente publicada na Inglaterra aponta que a geração millenial (pessoas nascidas entre os anos 80 e 90)  acreditam que o Bitcoin é a melhor opção de investimento disponível.

A pesquisa entrevistou mais de 500 pessoas, todos com £ 25.000 ou mais em ativos disponíveis para investimento. Segundo a pesquisa, 20% dos entrevistados já possuíam criptomoedas e 30% acreditam que parte de sua riqueza é resultado de investimentos.

Do lado de cá do Atlântico a grande notícia do mês foi o anúncio do Mercado Livre de sua parceria com a Bitpay, o que vai permitir que usuários usem Bitcoin e Bitcoin Cash para pagamentos na plataforma.

A integração entre as empresas será feita pelo provedor de pagamentos do Mercado Livre, o Mercado Pago, e permitirá não só a transferência de dinheiro para o Mercado Pago, usando as criptomoedas, como também comprar cartões-presente do site usando BTC e BCH. Estes cartões posteriormente poderão ser trocados por produtos comercializados no e-commerce. 

A plataforma também anunciou que assim que o suporte para Ethereum ficar pronto no Bitpay, a criptomoeda também será aceita no Mercado Livre.

A CME (Chicago Mercantile Exchange), exchange do mercado financeiro tradicional, anunciou que no início de 2020 irá disponibilizar a negociação de opções de Bitcoin. Isso é um grande passo para popularização do Bitcoin entre os grandes investidores e ajuda na redução da volatilidade da criptomoeda.

Aqui no Brasil tivemos o agravamento da crise na empresa Atlas Quantum, plataforma que diz realizar arbitragem de Bitcoins e que foi proibida de divulgar seus serviços publicamente. Muitas pessoas estão apreensivas e sem perspectiva de receber seus Bitcoins, existem pessoas esperando a mais de 30 dias pelo resgate.

Silvia Medeiros

CEO, User Experience Designer